Seleccionar página

Uma das plataformas que mais utilizamos nosso dia a dia e o que denominamos salas de projeto (Project Rooms). Nessa sala vivem os projetos que fazemos, ai fica toda a documentação da pesquisa secundária e de campo, ai surgem nossas sessões de análise e ideação, é um entorno que já tem passado por mais de 1000 projetos feitos em 5 países da América Latina.

A gente fica muito acostumado, porque sempre é assim. Mas não é tão comum não. Os project rooms são salas com quadros brancos, cortiça, espaços bem iluminados onde a equipe fará os projeto de inicio ao fim. Ao terminar o projeto, todo o material deverá ser guardado e a sala deverá ficar como quando foi recebida. Quer dizer: quadros brancos apagados, post-its descolados, marcadores em seu lugar, e toda a bagunça tem que ser retirada (vocês não se imaginam como pode ficar após de uma entrega final). Da um pouco de preguiça nesse ponto, mas não tem como não ser feito, outro projeto ocupará esse lugar e não e legal começar com bagunça. É um ciclo.

project-rooms-brasil

Quando você muda de pais, muda todo: as pessoas, a cultura, a comida, os lugares, a língua! mas os project rooms ficam iguais no Brasil, na Colômbia, nos Estados Unidos, na Argentina, no México e no Peru. O espaço mudou, mas a plataforma de trabalho de equipes multidisciplinares não.

Mas para entender melhor de que estou falando vou apresentar algumas fotos das salas.

Project Room

project-room1

Geralmente elas tem uma cor, no escritório de São Paulo e igual, com o detalhe de que foram criados ambientes. Por exemplo temos uma sala azul claro chamada “Sala Piscina” ela fica junto a uma sala pintada com marrom claro “Sala Areia”. Fica mais legal não é? 😉

sala-piscina

sala-areia

sala-limao

project-room-insitum

sala-prototipagem

Como conclusão posso comentar que se vocês estão fazendo projetos onde se quer criar inovação e trabalhar com design thinking, o ambiente é muito importante. Ele deve incentivar a inovação, deve ser dinâmico, flexível, bem iluminados e abertos. Ai sim, a trabalhar.

Abraços!